Espiritismo na Prática

Divulgando o Evangelho de Jesus

Você sabe por que se tornou um trabalhador Espírita?

Você sabe por que se tornou um trabalhador Espírita?

Autor: Jeferson Souza      Publicação: 10/09/2016 19:24      Views: 2408      Comentários: 0 

Neste artigo analisaremos alguns pontos para conhecermos o motivo pelo qual nos tornamos trabalhadores espíritas.

O que faz um trabalhador espírita?

Engana-se quem acredita que nos centros espíritas só existam trabalhos mediúnicos e médiuns, pois há aqueles que não são nem médiuns e nem estão presentes nas reuniões fechadas.

O trabalho edificante para um espírita iniciasse na sua própria educação moral, no seu melhoramento como um indivíduo, fazendo com que o seu Espírito seja útil e equilibrado para ser uma ferramenta atuante no movimento espírita.

No entanto, não necessariamente ele deverá ser médium, ou ocupar cargo administrativos não remunerados, pelo contrário, o trabalhador espírita pode ter por função a higienização do centro, pois para os Espírito toda ação realizada com boa vontade e seriedade é um trabalho útil.

Há muitos trabalhos que podem ser realizados dentro de um centro espírita sem precisar ser médium, há quem cuide da banca de livros, da limpeza e higienização do local, da recepção, da organização do local, etc... todas estas tarefas são tão preciosas e dignas quanto aqueles que trabalham com a mediunidade.

E você quer ser trabalhador na casa espírita?

Se o seu desejo é realmente trabalhar em uma casa espírita, não fique ansioso em ser médium, mesmo que você tenha as faculdades mediúnicas mais afloradas do que os outros, isso para os Espíritos não é importante, por que para eles o mais importante é o quanto você está disposto em se melhorar como Espírito.

Se te chamarem para trabalhar com atividades diferentes daquelas que você almeja, entenda que você está sendo mais útil e necessário, naquele momento, atuando naquela atividade, por que o ser humano almeja ter cargos e posições de destaque onde quer que esteja, isso é um equívoco que os Espíritos procuram nos educar.

Eduque-se primeiro, preocupe-se em ser um bom servidor do Bem, não importa aonde, pois ser um trabalhador espírita não é o mesmo que ter um cargo em uma empresa, e nem deve ter quaisquer benefícios ou remuneração, pois o centro espírita é um ambiente hospitalar, que é necessário dar-se mais do que procurar receber algo em troca.

Ser trabalhador de um centro espírita é uma tarefa que requer dedicação, cumprimento de horários, cooperar com a instituição espírita sempre com seriedade, pois qual seja a sua função dentro da casa espírita você estará trabalhando para Jesus e por Jesus.

Como ter uma boa conduta dentro da casa espírita?

É necessário que todo trabalhador espírita tenha uma conduta reta, evitando participações de boatos e conversas anti-fraternas, não criar situações de embaraço para alguém, buscar o autocontrole diante das situações mais difíceis, ser paciente com as imperfeições alheias, etc...

A boa conduta diante do trabalho regenerador é algo gratificante para a criatura, pois demonstra aos Espíritos o seu real valor diante das tarefas da casa. Saber esperar e ser paciente são duas pérolas espirituais que todos nós devemos aprender, pois nem sempre sabemos quais são os projetos dos Espíritos que dirigem a casa.

Os Espíritos podem estar nos educando com atividades não mediúnicas para nos ajudar, para que lá na frente sejamos bons médiuns, ou então, podem nos educar nos levando à reflexão de que ajudar na organização e limpeza da casa é uma tarefa tão importante quanto ser médium.

Uma coisa precisamos compreender que nós estaremos no lugar que precisamos estar, trabalhando naquilo que podemos ser mais úteis no momento. Não importa se o médium A ou B tem imperfeições, pois a atividade mediúnica é um processo de educação.

O centro espírita é um hospital para enfermos do Espírito, se lá estamos, é por que nós precisamos curar algo em nós, que talvez não saibamos ou não queiramos reconhecer, mas a casa espírita é também uma escola regeneradora.

"Lembre-se Jesus foi um humilde carpinteiro, mas era Bom naquilo que aprendeu a fazer.. "

Veja Também:

Artigos Relacionados

Olá, deixe seu comentário para Você sabe por que se tornou um trabalhador Espírita?

Enviando Comentário Fechar :/